-listening to Beatles, right now. during the whole day, actually
- they can have that effect man!
- sure! "boy, you´re gonna carry that weight for a long time" great song!
- it makes you 'come together' doesnt it!
- its got "something"
- i know what you mean, only 'yesterday' i was thinking about 'what a hard days night' it had been. I was workin like a dog!
- me too. but "we can work it out". though sometimes we might need som "help!"
- we may need help down 'the long and winding road', but i hear theres a good doctor on 'penny lane'!
- yeah, and u can always "take a sad song and make it better", if u know what i mean.
- I know what you mean, Send the song to Elanor Rigby, shes great with stuff like that! Lives on a Yellow Submarine apparently!
- oh, i heard that! but it seems like you have to make it really quick, like "hello, goodbye", coz she´s quite busy, that old bitch.
- Yeah, i hear she works 'eight days a week'
- and i gotta tell you, man... "she loves you"!
- YEAH YEAH YEAH!
- hahahahaha
- Ah well, love me or not, let it be!
- all i know is a "i fell fine", englishman!
- Me to! Ive bought a 'ticket to ride' on the bus, its called a 'day tripper'!
- oh, no! if u leave, we´ll all yell "get back", iian!
- Dont worry, 'lady madonna' will keep you company!
- just make sure to send us a letter! i hear theres a "paperback writer" over there!
- Ill send you a letter, im sure 'we can work it out' somehow
- yeah! coz "in the end", "all u need is love", man!
- 'Something' like that anyway!

quinta - 11 de dezembro, 21h42min


Um Dia na Vida

Acordo atrasado. Só o tempo de passar uma escova nos cabelos, entornar meia xícara de café frio e pegar meu casaco no encosto da cadeira. O ônibus chega em menos de um cigarro.
Ignoro o elevador e subo ao quarto andar pelas escadas. Vôo pelo corredor, passo reto pelas salas vizinhas sem qualquer saudação. Agarro a maçaneta e empurro a porta. “Desculpe o atraso”. Descanso o casaco no cabideiro, junto com a bolsa da Irene, a segunda auxiliar gordinha que não tem boca pra nada. Me sento e me ponho a organizar a papelada do serviço atrasado.
De súbito, o silêncio do escritório me estranha. Olho ao redor, não vejo ninguém. “Irene?”. Sem resposta. Vou até a sala do seu Novaes. Irene está junto à janela, cobrindo a boca com a mão e os olhos arregalados, branca como o tampo da mesa costumava ser. “Ele pulou. O seu Novaes pulou”. Eu já esperava por essa. “Acho que hoje não vai ter expediente”.

A direção logo dispensou-nos, a mim e a Irene. Ao sair do prédio, vejo a polícia cobrindo o corpo e isolando a área. Me faço de louco, “o que houve?” – pergunto a um curioso. “Um cara acabou de pular do quarto andar”. Chega uma van para levar o corpo. Eu vou pra casa ouvir Beatles e fumar um baseado.
quinta - 11 de dezembro, 18h55min


refletindo depois de conhecer esse blog aqui, pus-me numa indagação pra lá de inusitada.
por que sapas brasileiras cantam bem?
eu mesmo conheço algumas mocinhas que são do babado, ou orbitam por ele, e que, caralho, como cantam. e ainda tem as famosas; Adriana Calcanhoto, Zélia Duncan, Ana Carolina, Angela Rorô, Simone, Marina. todas sapas e cantam bem.
e aí, alguém sabe? não, né? é assunto pra monografia, mesmo.
quarta - 10 de dezembro, 09h51min


comecemos por sexta.
show da Beatles Fun Club com o Walter e a Cryka. ducaralho. eu sabia que ia ser bom, mas o povo tava tão animado que cantava junto e batia palma. mó empolgação. tocaram até Hey, Jude, mas não atenderam aos nossos berros de "toca Because!!" e "I am the Walrus!!". mas enfim. comemos um torradão mais ou menos no Pinguim - que eu chamo de Bingulin - e fomos pra casa nos preparar para o grande evento do sábado à noite, o Balonê.

seleção de roupas, revisão de como se dá nó em gravata, e ainda aprendi os milagres que se faz com uma agulha, um pedaço de pano preto, uma joaninha e muita criatividade. às 23h, Wilson e Fábio estavam lá acompanhando a fase do "me dá o make up, que tô com pouca sombra". e finalmente, eu e Cryka éramos dark dandy e dark bitch (apesar de eu suspeitar que ela não curte muito esse pseudônimo, mas enfim). no Ocidente, nós éramos as únicas pessoas que lembravam alguma coisa dos anos 80, porque o resto era um povo Dado Bier completamente blasé. não, minto. um rapaz jurava de pé junto que a gente era tão gótico quanto ele. "agora não me sinto mais sozinho", foi o que ele disse ao nos ver. ou pelo menos é assim que me lembro. mas é fato que ele conhece o carcasse e tudo. vai entender. até pediu o batom da cryka emprestado. sei lá.
agora, o que eu não vou entender é como é que alguém discotequeia numa festa ´80s e toca só uma do Bowie, pouca Madonna e nada de Eurythmics. certa altura do campeonato, a festa tava tão parada que voltamos a gritar ”toca Because!!” e ”I am the Walrus!!”, ensandecidamente.
mas teve uns momentos de glória, como o dueto mais trevoso já feito em cima de “Como Uma Deusa”, o povo dando socos no ar em “We´re Not Gonna Take it”, eu e Cryka dançando “Sweet Child of Mine”, fazendo movimentos peristálticos em “Kiss” e todo mundo na pista pulando com “Just Like Heaven”. Mas nada, nada mesmo, se compara ao meu orgasmo em “Dancing With Myself” e a patricinha da bolsa Louis Vuiton deslumbrada com o meu cabelo e o seu amigo esquisito se virando pra mim e falando “pode crer!!”. ok.
o barato mesmo foi ter reunido o pessoal todo na mesma festa e tirado fotinhas disso. E, claro, ter ficado na memória do povo Dado Bier, porque são daqueles que pensam ”tem festa no Ocidente, vamo lá que tem uma gente esquisita!”. esquisito é tu, que não sabe entrar na brincadeira.
fora o porre forte e o churrio no domingo, foi tudo bom. no período pós-seqüela, Walter foi nos fazer companhia e trouxe consigo “O que Fazer em Caso de Incêndio”. uma gente alemã bonita, uma história ducaralho, uma trilha perfeita. tudo. ah, sim, e uma lição: “a batalha não é mais entre direita e esquerda, mas entre vencedores e aqueles que não se venderam”.
teorias políticas à parte, diz que vai ter Balonê dia 25, não sei ainda. é bom confirmar, porque preciso ver o modelão e guardar o bendito resquício do meu salário. nunca na minha vida cheguei a menos da metade do mês com apenas 70 pila. apavorado, eu? que nada. gastar com cerveja, festa e cigarro nunca foi tão bom.
segunda - 8 de dezembro, 17h23min


Mel me mandou uma mensagem premonitória, escrita com sangue na parede, sobre sábado à noite.

adorei.
sexta - 5 de dezembro, 15h43min


wow. visitem, agora.
sexta - 5 de dezembro, 08h40min


estamos mudando o pc de lugar. por enqaunto ele tá no chão, é a primeira vez que eu vejo meus pés ao digitar.
quinta - 4 de dezembro, 16h47min


Cacá fez ânus ontem, fomos comemorar na República, com champanha e tudo. e mais uma vez eu saí de casa com um valor X pra gastar, só que aconteceu alguma coisa e acabei gastando o dobro. ando tão impulsivo, até pareço meu irmão.
quarta - 3 de dezembro, 07h32min


Hood: There's somebody you should talk to.
Jeannie: If you say "Ferris Bueller" you lose a testicle.
Hood: Oh, you know him?

clássico de 1986 e um dos meus filmes preferidos.
terça - 2 de dezembro, 18h39min


ia escrever sobre a "verdade" das mulheres. mas estou quase me rendendo ao clichê masculino de que talvez sejamos realmente complicadas demais..."
by srta. ecstasy.
terça, 2 de dezembro, 18h17min


btw, o formulário ali embaixo não funciona e é meramente decorativo, ok? pra contatos, mail me.
quem tem meu e-mail, tem meu e-mail.
segunda, 1º de dezembro, 12h21min


sabe todo aquele dinheiro que o cara tem? aquele que ele recebe no final do mês - vulgo salário? então, foi justamente esse que eu gastei nesse fim de semana. eu estaria apavorado, se o findi não tivesse sido tão bom.
sábado, Cryka, Fábio e eu fomos jantar numa pizzaria da Venâncio que eu não recomendo, porque as baratas tentavam nos atacar e o garçom tinha espasmos faciais de meter medo. dali, seguimos pra casa do Miguel, sem saber muito bem porque. de lá, o povo seguiu pro Opinião, enquanto Cryka e eu tomávamos nosso rumo pro Ocidente - eu de moicano, tava tudo, ela de pink-clubber-girlie. pagamos os zóio da cara pra entrar, tava entregue às moscas e a uma dancing queer. estávamos crente que o babado tava rolando lá, mas demos com os burros n´água. às 3:30 resolvemos bater ponto no Shamrock - porque não aguentávamos mais ver tanta gente feia. depois, fomos pra casa ouvir Marilyn Manson. domingo final de tarde, quando eu tava voltando pra casa, liga o Miguel nos intimando pra ir pro Shamrock. já tínhamos nos recuperado do porre forte, enchido o cu de comida árabe, e voltamos pro irish. um horror de bom. lá, combinamos de ir na Balonê - que diz que vai estar o top of the pop e que o babado vai sem falta -, fazer amigo secreto e abrir um pub erótico, com dildos e bucetas de cyberskin na parede.

ufa, enfim. foi isso, basicamente.
segunda - 1º de dezembro, 07h38min


cacá: "Viu o e-mail que o Vitor me mandou???Ele vai ir no Oci sexta, e disse que tá com saudades..."
mel: "Eu vi a cópia que vc me mandou. E mandei um pra ele bem desaforado...se ele tá com saudade pq não vai la em kza??? po nos mudamos e ele nem viu a kza nova!!!"
cacá: "Acho que vai chover, p/ ele querer ir no Oci..."

eu tô sempre na boca do povo. mas não fui no Oci, ok, agourentos?
sábado - 29 de novembro, 12h28min


mas cês viram a Heloísa Helena surtando na votação da reforma? cruzes. só faltava cuspir sangue e arrancar a cabeça de um morcego com a boca, que nem o Ozzy. ou jogar comida na galera, que nem a Peaches. um horror.
quinta - 27 de novembro, 08h10min


o link novo aí do lado é do recém inaugurado blog do marcos, aka "márcio". um dos caras mais bacanas que tem por aí, passem .
quinta - 27 de novembro, 07h39min


vixe, como tem gente bonita nessa cidade.
quarta - 26 de novembro, 10h35min


acordei querendo enfiar os dois dedos no ânus e rasgar. mas, hey, peralá! tenho bons motivos pra isso. mas pensei melhor e vi que esperar pelo fim de semana pra poder encher a cara é melhor, porque, ora bolas, eu preciso do meu reto. só tenho medo que talvez eu vire o walter e começe a tomar Polar no café da manhã. se isso acontecer, daqui a alguns anos serei o tio dele.
..>calafrios<..

mas assim, ó, o que o mallmann falou é bem verdade, mesmo. ou eu faço essa coisa de produtor deles de verdade ou caio fora, proque ficar só no arreto não ajuda muito. preciso pensar. pensar muito.
terça - 25 de novembro, 11h


boceta! tá tocando Aquarius na Farroupilha! na Farroupilha!

This is the dawning of the Age of Aquarius!
sábado - 22 de novembro, 12h42min


"ferro na boneca!"

caralho. quanto tempo eu não ouvia isso.
sexta - 21 de novembro, 11h58min


tem um sujeito aí, Jonathan Keller, que tem um projeto chamado Daily Photo Project. o lance é que ele tira foto do próprio rosto todo dia, e vem fazendo isso desde outubro de 1998, sendo que não tem previsão pra terminar. passa lá, é bem interessante.
quarta - 19 de novembro, 07h39min


- botei "você é luz" pra tocar, dona denise, do banheiro grita: "QUE QUE ISSO?"
- yheehehehehhehehehehe..(rindo muito agora)
- "tá baixando no meu conceito!!!". cantando alto: "voce é sim/e nunca meu não"
- heheeheheh
- me suja de carmim/me põe na boca mel
- carmim?
- não sei q porra é essa. deve ser algo q ele tirou de alguma das 200 mil calcinhas q ele tem. sério, o q ele faz com tanta calcinha? veste e desfila na frente do espelho?
- sei la...se masturba?? wando tem cara de ser tarado, com desejos desses.... carmim deve ser perfume bagaceiro...
- eu me lembro q achava q ele tava sempre bêbado. e eu era apaixonado pela rosana.
- heheeh
- ela sempre me pareceu bonita. vi umas fotos dela... bagulhaço....
- total...muito feia...hoje em dia parece traveco...
- mto traveco. diz que virou evangélica, né?
- deve ter....tá na moda na comunidade de atores e artistas bregas...
- é. ser evangélico é hype. qquer dia eu tbm viro.
- se quiser eu te apresento pra minha tia e pra minha prima....são tudo dessa laia...
- artistas?

segunda - 17 de novembro, 22h28min


então, o findi foi bem legal. bem longo, na verdade. sexta, fomos bater ponto no shamrock. eu pensei que ia embora no sábado, mas atendi aos apelos da cryka e do walter, e só voltei pra casa no domingo. o walter até cancelou programa com a sweet valerie pra desfrutar da minha companhia. alugamos Donnie Darko - preciso ver de novo, porque acho que deixei escapar algumas informações - e A Professora de Piano - afudê, mas um horror; absurdo, mas compreensível.
tiramos fotos, preparamos o jantar, discutimos sobre o cabelo do walter e relembramos o clássico ´80s "Como Uma Deusa" - que descobrimos ficar ótima numa versão regueira. enfim, foi um findi bem cultural.
segunda - 17 de novembro, 11h18min


vale a pena: pingue-pongue
segunda - 17 de novembro, 09h37min


btw, vale a pena dar uma olhada: indierock online. um barato.
sexta - 14 de novembro, 09h09min


"Dizer que somos uma nação rica, com uma bela natureza e desenvolver um nacionalismo de auto-engano, não resolve. O Brasil é um País de corrupções e incapacidades governamentais e esse tipo de política e economia tem que ser apontada com bastante crítica."

"O Brasil não vai melhorar, nem piorar. Vai continuar a ser uma grande porcaria. Somos fracos nessa coisa de país. Não é a nossa construir uma nação organizada."

Diogo Mainardi, escritor, colunista da Veja e comentarista do Manhattan Connection
sexta - 14 de novembro, 09h


vitor, o onanista!


márcio crisis teddy konstantin penny lane srta. ecstasy butch e femme zé de abreu

carcasse a barata the beatles rgg dra ruth carlos zéfiro livros grátis michael moore santander









Eu Sou Feliz Sem Celular!


Ela Apenas Me Tornou Pop!


war is over!
-if you want it-

arquivo 03
arquivo 02
arquivo 01

ilustrações de carlos zéfiro