Ócio produtivo

Blogueiro sem pauta posta videos do Youtube e questionários bobinhos. Do primeiro, temos o suficiente. Vamos ao segundo.

Você já...

Tirou uma foto de si mesmo nu?
Sim.

Deu uns malhos em alguém que conheceu no MySpace ou Facebook?
Vale Orkut? Então sim.

Dançou pelado na frente do espelho?
Naturalmente.

Mentiu?
Só sobre ter dançado pelado na frente do espelho.

Se apaixonou e não foi retribuído?
Eu e toda torcida do Flamengo, né?

Foi preso?
Neva.

Deu uns malhos em alguém do mesmo sexo?
Sim, muito freqüentemente.

Viu alguém morrer?
Em processo de morte, não. Mas morto, sim. Numa esquina da Cidade Baixa, às 10 da manhã. Veja você.

Dormiu até às 5 da tarde?
Sim

Deu uns malhos no trabalho?
Neva

Caiu no sono no trabalho/aula?
Neva

Segurou uma cobra?
Isso é metáfora?

Passou o sinal vermelho?
Não dirigo. Passo.

Foi suspenso da escola?
Neva.

Deu perda total no próprio carro?
Neva

Dançou num palco de strip?
Sim. Tenho testemunhas.

Fumou?
E já parei.

Foi demitido?
Neva

Cantou num caraoquê?
Sim.

Fez algo que prometeu a sim mesmo que não faria?
Não que eu me lembre.

Riu até sair bebida pelo nariz?
Não que eu me lembre.

Beijou sob a chuva?
Neva.

Cantou no chuveiro?
Sim, muito freqüentemente.

Deu apelidos às suas partes íntimas?
Não e tenho vergonha de quem o faz.

Saiu na rua sem roupa de baixo?
Sim, muito freqüentemente.

Sentou no telhado?
Neva.

Foi jogado na piscina de roupa?
Sim, no segundo grau.

Quebrou um osso?
Torci e fissurei. Nunca quebrei.

Raspou a cabeça?
Sim.

Dormiu pelado?
Sim. E faz mal, dá resfriado.

Pregou uma peça em alguém?
Teve um 1° de abril, há alguns anos, em que eu convenci alguns amigos que a minha mãe havia morrido num acidente de carro. Foi bem legal.

Se matriculou numa academia?
Sim. Digo, não.

Sentiu vontade de matar agluém?
Sim. Digo, não.

Fez seu namorado/namorada chorar?
Neva.

Chorou por alguém?
Claro.

Teve uma banda?
Neva.

Disparou uma arma?
Sim, contra um gambá. E me arrependerei eternamente.

Deu uns malhos hoje?
Nope.

Jogou strip pôquer?
Sim. E não fiz esforço nenhum pra ganhar.

Viajou de cogumelo?
Neva.

Doou sangue?
Sim. Fiquei zonzo depois.

Se filmou durante o sexo?
Não que eu me lembre.

Quis transar com um amigo?
Sim. Digo, não.

Depilou o corpo?
Sim. Digo, não.

Se travestiu?
Neva.

Sonhou em ser uma pessoa famosa? Quem?
Posh Spice. Heh.
sábado - 27 de outubro, 15h50


Mahna Mahna

Clássico da Vila Sésamo gringa. Uma certa banda pop mineira sampleou e fez dessa música um hit em japonês. O original é mais charmoso.
sábado - 27 de outubro, 11h11


Friends Medley

Bing Crosby e Dinah Shore, 1963.

Isn´t it rather nice to have friends?
domingo - 27 de outubro, 10h50


Uma citação espirituosa

"Ih, olha só, a Alcione. Ah... A Marrom... Mas é engraçado como, assim, de perto, ela não parece muito marrom." (Eu mesmo, em pensamento, depois de esbarrar com a Beth Carvalho no shopping)

Vitor Dornelles, no sempre duca Repolhópolis.
sábado - 20 de outubro, 12h13


Basicamente

Salsa!
sexta - 19 de outubro, 20h24


Susto de verdade

Hoje, a minha mãe contou que no curso de renovação da carteira de motorista o instrutor exibiu um filme de dois minutos com cenas de acidentes de trânsito que não passam na televisão. Corpos sem cabeça, cadáveres mutilados, tripas de fora, braço pra cá, perna pra lá, enfim. Mau estar geral na galera. Mas achei correto. E digo mais: super apoio. É como aquelas fotos no verso da carteira de cigarro. A campanha anti-tabagista do Brasil é uma das mais agressivas do mundo. E agora, creio eu, a campanha pela direção segura também. Afinal, no Brasil, 34 mil pessoas morrem por ano em acidentes de trânsito. A realidade dos números choca muito mais que o filme de horror do curso de renovação da CNH. Pelo menos a mim, choca.

***

E como eu perco o amigo mas não perco a piada, fico imaginando se a cara de pavor da minha mãe durante aquele filme de dois minutos foi a mesma que ela fez quando brincou no joguinho do labirinto.

Choro de rir até hoje.
quarta - 17 de outubro, 15h20


Speachless

Hoje é dia 15.

Também conhecido como metade do mês.

E este é apenas o terceiro post de outubro, neste blogue.

Eu.

Não.

Tenho.

Nada.

A.

Dizer.

E.

Estou.

Adorando.

Isso.

Vamos ver até onde vai o silêncio.
segunda - 15 de outubro, 14h27


Passatempo

Eu podia tá matando, eu podia tá roubando, mas tô em casa estudando Filosofia.

CDF passando, dá licença.
sexta - 12 de outubro, 15h50


Esqueci

Ah, é! Eu tenho um blogue!
quinta - 11 de outubro, 16h14



o espírito de porco olha por este blogue


tem uma entrevista
velha aqui


instigar
repolhópolis
groundhog day
caderno de vidro
pensar enlouquece
caligrafia na pele
república livre
entretantos
sympton of the universe
trEPA!
dois dedos de prosa agridoce
descartável.com
banho-maria

vitor.diel@gmail.com


2007
setembro
agosto
julho
junho
maio
abril
março
fevereiro
janeiro

2006
dezembro
novembro
outubro
setembro
agosto
julho
junho
maio
abril
março
fevereiro
janeiro

2005
dezembro
novembro
outubro
setembro
agosto
julho
junho
maio
abril
março
fevereiro
janeiro

2004
dezembro
novembro
outubro
setembro
agosto
julho
junho
maio
abril
março
fevereiro
janeiro

2003
dezembro
novembro-outubro
setembro
agosto