Sobre a coluna

Os sucessivos videos do Youtube e posts breves recentemente publicados neste blogue tem explicação. Nos últimos dez dias estive às voltas com uma p*** dor na cervical, oriunda da minha sempiterna má postura, que me impede de permanecer sentado por mais de quarenta minutos. Ou seja, nada de ler, pesquisar ou escrever no PC. E quem paga o preço é este pobre Bumerangue!.

Agora, descobri que sou escravo de minha espinha dorsal. Todo dia tenho que fazer algum exercício: caminhadas, alongamentos, halteres, flexões, malhação. Parado, não posso ficar. Do contrário, dói e sinto enjôo. Talvez eu tenha a coluna de um velho. Um velho com osteoporose grave.

Dizem que estes exercícios são bons para fortalecer ossos e músculos - os quais, quando bem trabalhados, são fundamentais para evitar a má postura. E vamos combinar que a má postura é o mal moderno. É uma forte tentação deitar-se no sofá e dormir assistindo um filme do Tom Cruise (o melhor ator-sonífero de Hollywood!). Acordo alguns minutos depois, dolorido e torto. O mesmo acontece quando me ponho a escrever no PC ou navegar pela web. Por isso devo antever imediatamente um fim a este post, antes que dôa.

Com a cabeça livre das leituras e pesquisas, têm surgido-me algumas ideias (sem acento agudo no E porque este blogue está adaptado à nova ortografia da língua portuguesa) para um segundo livro. Os rascunhos estão prudentemente guardados no meu Gmail.

Vou-me. Volto em Outubro. Aliás, um mês importante. Devo lembrá-los o motivo?
segunda - 29 de setembro, 11h10


Stewie e Brian Griffin no front

A ascenção da democracia no Iraque, pelos olhos de "Uma Família da Pesada".

Em inglês.


domingo - 28 de setembro, 11h51


Elogio ao vegetarianismo

"O homem é o único animal que cuida bem do animal que vai comer."

Millôr Fernandes, sempre por aqui.
terça - 23 de setembro, 12h50


Os rapazes da praia

Essa música fez parte do meu repertório de versões em português há cinco anos.

Não seria legal
se a gente fosse jovem

terça - 23 de setembro, 11h06


Um post, afinal!

Acho que tenho me informado demais. É sério. Jornal impresso, sites de notícias, todos os telejornais, minuto a minuto, nada tem escapado. No final das contas, tudo é notícia velha, e tudo que se lê em um lugar, já se leu antes em outro. Acho que isso explica meu torcicolo dos últimos três dias. E a total ausência de posts desde o sábado passado. Há de se ter cuidado com o excesso de informação, este mal contemporâneo.

***

Show de Cyndi Lauper em novembro e eu vou. Comprarei ingresso com desconto segunda-feira.

Uma semana depois da Cyndi tem REM, mas este eu ainda não me decidi. Dizem que é caro.

***

Que mais...

Chega. Voltarei apenas quando tiver algo a dizer. Não quero me tornar prolixo.
sábado - 20 de setembro, 11h27


Sustos em 3D

Ontem eu assisti "Viagem ao centro da Terra" em 3D e conclui que só assim para o cinema voltar a ser interessante. Os óculos que produzem o efeito tridimensional e colocam os atores a alguns centímetros do nosso rosto tornam a sala escura, agora sim!, uma experiência divertida. Levei alguns bons sustos, confesso, com os peixes assassinos e ioiôs voando na minha cara. É o reflexo natural: reagir a tudo que vem em nossa direção. Ou correr.

Nota 10. Recomendo. E espero mais filmes do gênero.

O ponto negativo é o preço do ingresso. Com R$ 20, eu faço uma boa noitada ou pago dois almoços com refri no Alecrim - o melhor bufê livre da cidade.
sábado - 13 de setembro, 10h02


O fim, enfim

E o mundo não acabou. Na verdade, o acelerador de partículas fez nem cócegas. Ou seja, Bumerangue! sobreviveu a mais esta. Salve, salve.

***

Por outro lado, o bicho tá pegando tão forte na Bolívia que os conflitos entre sem-terras paraguaios e fazendeiros brasileiros parecem brincadeira de criança.

Para quem não tem acompanhado, um resumo: o mundo tá acabando, sim, e o fim começou pela América do Sul. Mas segundo o Datafolha, tá tudo bem, tudo sussa.
sexta - 12 de setembro, 12h08


Sobre o fim

Este pode ser o último post do Bumerangue!.

Isso, claro, se as previsões de alguns cientistas sobre o possível fim do mundo, iniciado pelo experimento de aceleração de partículas subatômicas que os europeus realizam às quatro horas da manhã desta quarta, pelo horário de Brasília, se comprovarem.

Por outro lado, se você está lendo este post depois do horário indicado acima, significa que o mundo não terminou. Ou pelo menos que o fim ocorre por etapas e que ainda não chegou no Sul do Brasil.

Sendo assim, você, leitor do Rio Grande do Norte, que está geograficamente mais próximo da Europa que nós, aqui, no Rio Grande do Sul, por favor, informe nos comentários se o fim do mundo já chegou por aí, como ele se parece e enumere algumas dicas do que fazer nas iminências deste momento.

Se, por acaso, e o que é muito provável, este blogue não possui leitores no Rio Grande do Norte, e você que está lendo isto é de qualquer outra região ou Estado, deixe um comentário dizendo o que você pensa sobre qualquer coisa: crise do petróleo, eleições municipais, aquecimento global, nova turnê da Madonna, aprovação da licença maternidade de seis meses - enfim, assuntos não faltam.

Afinal, isto é Bumerangue!: um blogue onde o diálogo vai e volta. Que nem as partículas subatômicas no acelerador dos europeus.
terça - 9 de setembro, 21h21


Um filme em particular e o cinema em geral

"Império dos Sonhos", do David Lynch, é o excesso da forma sem fundo. São três horas que não dizem nada além daquilo que a gente já sabe: David Lynch é esquisito e seus filmes nem sempre fazem sentido.

Três horas que podem muito bem ser dispensadas fazendo alguma outra coisa mais útil e (com certeza) mais divertida.

***

Sim, eu sempre fui atrasadinho em matéria de cinema. Deve ser porque eu não coloco expectativa alguma sobre qualquer filme. Cinema é muito chato e bobo, dificilmente compensa o preço do ingresso ou da locação.

***

E vocês sabem que o DVD é muito superior à sala de cinema, não sabem? A simples possibilidade de parar o filme e voltar algumas cenas mostra-se valiosa quando assitimos a um filme do David Lynch. Afinal, se eu tivesse assistido "Império dos Sonhos" na sala escura, não esperaria pelo final.
terça - 9 de setembro, 11h19


Sobre a religião

"Não acredito na vida depois da morte, embora sempre traga comigo uma muda de cueca."

Woody Allen, em "Cuca Fundida".
sexta - 5 de setembro, 10h03


Up to date

A falta de posts recentes não é culpa minha, mas do spyware que dominou o meu PC de casa. Quando ele deixa, consigo ver meus e-mails.

***

No último post de agosto, uma surpresa nos comentários: um leitor que se diz visita constante. Curioso como cinco anos depois este blogue ainda me causa surpresas agradáveis. Bem-vindo, ex-colega Marco Bocardi. Você vem se somar aos 12 leitores nem tão assíduos assim.

***

Atualizando meus, agora 13!, leitores: comecei setembro em um ônibus, a caminho de Frederico Westphalen, uma cidade de 30 mil habitantes no noroeste gaúcho. Um lugar que fica a seis horas de Porto Alegre - se você não for de pinga-pinga. Do contrário, fica a sete horas e meia, como descobri na volta para a capital.

No caminho, encantei-me com uma colheitadeira operando e com os campos de trigo e soja, ora verdes, ora amarelos. Região bonita, com um povo interessante: alemães, índios e alguns negros. No trajeto, muitas, muitas cidades muito pequenas. Em uma delas, a rodoviária é menor que o consultório dentista ao lado.

Cidadãos das capitais têm a tendência a acreditar que fora dos centros não existe vida. Existe, isto sim, uma outra vida, em que as pessoas deixam a porta de casa aberta e as crianças brincam na varanda. Coisa que nós, seres urbanos e enclausurados, não conhecemos.

***

Ontem, fui ao show da Laurie Anderson. Junior esperava que ela tocasse O Superman...

...mas ela concentrou-se nas composições mais recentes, que falam de consumo, mídia, comunicação, democracia e alienação. É bonito de ver, mas por vezes entediante. Além disso, é o primeiro show em que eu vou que tem legenda no palco. A palavra é um elemento importante na obra da Laurie Anderson.

Hoje tem de novo e, se tu tá em Porto Alegre e quer ir, mas não tem ingresso, te joga para o Teatro do Sesi que com uma choradinha tu descola. Acredite em mim. ;o)
quarta - 3 de setembro, 10h35



o espírito de porco olha por este blogue


repolhópolis
groundhog day
república livre
sympton of the universe
trEPA!
o calcanhar do aquiles
filosofonet
te dou um dado?
allan sieber
cagando e andando

vitor.diel@gmail.com


2008
agosto
julho
junho
maio
abril
março
fevereiro
janeiro

2007
dezembro
novembro
outubro
setembro
agosto
julho
junho
maio
abril
março
fevereiro
janeiro

2006
dezembro
novembro
outubro
setembro
agosto
julho
junho
maio
abril
março
fevereiro
janeiro

2005
dezembro
novembro
outubro
setembro
agosto
julho
junho
maio
abril
março
fevereiro
janeiro

2004
dezembro
novembro
outubro
setembro
agosto
julho
junho
maio
abril
março
fevereiro
janeiro

2003
dezembro
novembro-outubro
setembro
agosto





compre Granada aqui ou aqui.